Papel – Talvez você ainda não saiba…

 

A matéria-prima básica para a fabricação de papel, cartão e papelão ondulado é a celulose, proveniente em sua grande maioria, da madeira.

As fibras se classificam em:

  • Fibra longa (2 a 5 mm) Coníferas do tipo Pinus; Vegetais de outras famílias: sisal, bambu
  • Fibra curta (0,5 a 1,5 mm): Folhosas como eucalipto, acácia, etc…

Tipos de fibras:

A celulose de fibra longa tem a propriedade de conceder ao papel resistência mecânica, característica necessária em embalagens de transporte e distribuição como caixas de papelão ondulado e os sacos multifoliados, enquanto a celulose de fibra curta proporciona um papel de melhor formação, indicado quando se deseja excelente superfície de impressão e para laminação. As características do papel, cartão e papelão não dependem apenas do tipo de fibra utilizada, mas também de seu processo de fabricação, aditivação e acabamento.

Tipos de papel :

Papel kraft Natural ou Branco : papel fabricado a partir de uma mistura de fibras curtas e longas, provenientes de polpas de madeiras macias. Esta mistura de fibras confere ao papel características de resistência mecânica com bom desempenho em máquina e maciez. Pode beneficiado em diversos produtos tais como, ser laminado com alumínio ou filme plástico.

Papel monolúcido: semelhante ao papel Kraft, entretanto, com menor resistência mecânica, sendo fabricado com 100% de fibras curtas. É caracterizado por possuir brilho em uma das faces, obtido diretamente nas máquinas de papel, dotadas de cilindro monolúcido. É bastante empregado em estruturas de alumínio, para o acondicionamento de chocolates, balas e derivados, podendo ser parafinado ou não.

Papel “couché”: é um papel que, após sua fabricação, recebe uma cobertura de caolim com a finalidade de tornar sua superfície lisa e uniforme, melhorar o brilho e principalmente a printabilidade.

Papel Cristalex: papel fabricado com pasta química especial, refinada ao máximo, para, em conjunto com uma supercalandra, torna-lo transparente e com baixa permeabilidade a óleos e gorduras.

Papel Cartão

A diferença entre papel e cartão nem sempre é muito clara, o cartão é mais pesado e mais rígido que o papel. Geralmente, as folhas com mais de 300 mm de espessura são classificadas como cartão. A gramatura do cartão, em geral, varia de 120 a 700 g/m2.

Normalmente os cartões são compostos por uma combinação de duas ou mais camadas que podem diferir conforme a polpa. Os cartões de baixa gramatura podem ser de uma camada, porém, a estrutura multicamada é adotada mesmo para cartões mais finos.  Basicamente, a fabricação de cartões consiste na laminação de várias camadas de polpa durante o processo de remoção da água. A formação das camadas pode ser por mesa plana (Fourdrinier) ou por cilindro.

O cartão obtido por mesa plana é mais uniforme na orientação das fibras de celulose nas duas direções, de fabricação e transversal, as quais, conseqüentemente, não diferem muito quanto a propriedades físicas.

Os cartões são classificados de acordo com o número de camadas que compõem a estrutura (monoplex, dúplex, triplex, acoplados, etc) e com o tipo de polpa de cada camada (polpa química ou mecânica, virgem ou reciclada, branqueada ou não).

Tipos de cartões:

Cartão Monoplex ou “Solid Board”- Vulgo papelão pardo ou paraná: fabricado com o mesmo tipo de polpa em todas as camadas, geralmente polpa química branqueada ou ainda polpa cinza. O cartão monoplex ou solid board é o de alto custo, geralmente sendo empregado forrado, gerando as embalagens “duras ou cartonadas”.

Cartão Dúplex: fabricado geralmente com a camada externa da polpa química branqueada (forro) e a interna de polpa química não-branqueada (suporte). A camada interna também pode ser de polpa reciclada.

Cartão Tríplex: apresenta uma terceira camada denominada intermediária, sendo as camadas interna e externa de polpa química branqueada e a intermediária de polpa química ou polpa reciclada não-branqueada.     Quando se deseja uma embalagem com aparência interna superior, o cartão duplex é substituído pelo tríplex, que tem a vantagem de ter a camada interna branca.

A função da embalagem de cartão de todos os produtos alimentícios é de extrema importância e poderia, inclusive, ser definida como um fator básico de preservação, transporte e proteção e como uma forma de estimular suas vendas, divulgação, reputação e sucesso no mercado.

Para ser considerado adequado aos alimentos, o lado do cartão que fica em contato com o produto deve ser completamente isento de resíduos de tintas (de acordo com a porcentagem imposta pela legislação de cada país), além de não conter coberturas de látex ou de caulim.

Freqüentemente na produção de cartões para alimentos, estes riscos são superados através de um tratamento de superfície de contato com uma camada de plástico, geralmente polietileno (laminação BOPP) de alta densidade.

Utilização

É utilizado em praticamente todos os segmentos da economia, sendo encontrado nas embalagens de alimentos, produtos de higiene e limpeza, cosméticos, farmacêuticos, brinquedos, calçados, cigarros, livros e cadernos.

Nas embalagens proporciona acondicionamento adequado, pois sua estrutura firme, protege o produto contra, por exemplo, amassamento ou quebra. Permite inúmeras maneiras de apresentação, já que aceita impressão gráfica praticamente sem restrições, e, portanto, faz da embalagem uma propaganda explícita do produto que contém.

O papel cartão contribui para a redução do resíduo sólido urbano, ele é 100% reciclável e seu período de decomposição na natureza é curto. A produção nacional utiliza anualmente milhares de  toneladas de papel reciclável, que deixam de ser desperdiçadas nos lixões e aterros municipais.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s